segunda-feira, 16 de julho de 2007

Um autentico traidor da Pátria

"Não sou profeta, mas Portugal acabará por integrar-se na Espanha"

José Saramago

Independência de Portugal devera ser negociada, e passarmos a ser mais uma província de Espanha, esta é a opinião do nosso prémio Nobel da literatura. Não consigo acreditar que este mentecapto (Do lat. Mente captus, privado de inteligência) tenha tido tamanha diarreia mental, após a inversão do fluxo intestinal e se tenha dado a0 luxo de a despejar no jornal DN.

4 comentários:

Anónimo disse...

But Saramago has a point. Portugal would do so much better as a part of Spain, which is by far a much more dynamic country. You guys are asleep, let's face it.

Joaquim Santos disse...

Este tal de Saramago sempre foi um traidor,devia ser proibido publicar as obras dele cá em Portugal.Ele que venda a porcaria dos livros dele em Espanha ou em Cuba.

Weisswurst disse...

"Paises" como Espanha e o Reino Unido foram construidos sobre uma mentira. De facto, o �nico objectvo das suas rid�culas monarquias hoje, � a manuten�o dessa mentira secular.
Um Povo, uma Terra e uma L�ngua, s�o os tr�s ingredientes para se formar umas na�o. Nem o Reino Unido nem Espanha t�m esses ingredientes.
E �s pessoas que lutam contra a destrui�o das verdadeiras na�es, chamam-se "terroristas" ou "resistentes", dependendo da posi�o do observador.

Anónimo disse...

"Never so few did so much". Portugal have the right to fall asleep if it wants. Endeed nobody contributed so much to the west civilisation expantion as that little country! !
And the day, Portugal will belong to spain, the tchiken will have teeth!